Impressão Digital em Plotter – Arca de Noé – Parte II

Terminamos o post  ” Arca de Noé – I ” com a frase abaixo :

“Melhor ainda, pesquise revendedores com experiência em venda de máquinas e, que possam acompanhar sua empresa depois da venda, com aplicações independente da venda de suprimentos de mídia ou outros.”
    

Sua empresa compra mídias e acabamentos em uma loja ou filial de uma rede de lojas ? Um dia esta mesma loja na negociação de um novo pedido, informa que está comercializando PLOTTERs e equipamentos para impressão digital.
   
Como conhecem seu negócio e quem decide começam a lhe pressionar…..
   
Esta relação pode criar indisposições entre o que se espera e o que se realmente entrega como valor agregado à venda do PLOTTER oferecido e prometido com diversas qualidades e soluções. Amizades….

É o que o fabricante deseja quando credencia redes de lojas ou lojas afins para venda de PLOTTERs, mas com pouco tempo se perde no exclusivo cumprimento de metas. Cobertura geográfica e proximidade se tornam apenas uma soma na meta do fabricante. Não há uma aferição da qualidade do vendedor ou da venda.
 

Pelo dia-a-dia comprando mídias em uma loja, se espera que, quando se compra uma máquina nesta mesma loja, um atendimento diferenciado e, muitos até prometem isto pois já conhecem o potencial de sua empresa e perfil das compras.
     
Voltamos a Arca de Noé!
  
Empresas também querendo vender tudo como se tudo pudesse ser vendido da mesma forma e pelo mesmo vendedor, ao telefone.
   
Pense : compra-se um rolo de lona e vem pela transportadora em uma caixa. A “entrega” do PLOTTER também se operacionalizará no mesmo processo !
 

Algumas empresas ainda se aproveitam das filiais para vender máquinas aos seus clientes de mídias e acabamentos sem show-room ou demonstrações, inspiradas apenas na confiança do cliente. Depois a realidade é outra. Tenta contato de suporte na filial que comprou a máquina, o vendedor nunca está e lhe informam que o suporte é na matriz. Daí você não é ninguém ! É mais um na Arca de Noé !

Será um dilúvio de problemas!!

Perda de tempo, testes e se desejar resolver, terá que aprender e ensinar a quem lhe vendeu como resolver. Testar em sua máquina. Seu recurso. Seu tempo.

O vendedor aprende e, com o tempo esta mesma loja ou filial compra a máquina de show-room e começa a imprimir serviços. Com valores mais baixos, claro, porém com lucratividade maior.
  
Compram o PLOTTER mais barato para demonstrações, mídias e tinta mais baratas e em quantidade para revenda,  utilizando na impressão de serviços para “seus” clientes.

E o PLOTTER de show-room se paga com venda de PLOTTER? Deveria!? Com o PLOTTER que vendeu para sua empresa como exemplo.

Você reclama da concorrência desleal e argumentam que somente imprimem para quem está comprando a máquina e não ao consumidor final.
  
Mas porque não lhe indicaram ? Estão contra ou a favor? E a amizade antiga ?
  
Depois ele vai forte ao seu concorrente ensiná-lo também. Com ares de consultor e solução para fim dos problemas!

Você já viu casos assim na sua região ? Compra e confia neste perfil de empresa ?

Vai entrar na  Arca de Noé ?

Encontre a melhor solução para Impressão Digital na Loja do PLOTTER !


Impressão Digital em Plotter – Arca de Noé – Parte I

As empresas de impressão digital tem um dilema diário a resolver :  lucratividade. A lucratividade traz a sobrevivência, pois sem lucro além de pagar custos e despesas, como planejar novos investimentos?
   
Receita de serviços todos tem. Mas desta receita qual é sua lucratividade?
   
Muitos empreendedores e revendedores pregam que se deve focar no negócio. Mas qual negócio? A Impressão Digital em PLOTTERs tem aplicações nos mais diversos negócios e áreas, materiais e equipamentos.

Muitos empresários do ramo compram máquinas iguais aos concorrentes para entrar no mercado igualando preços. No mercado de impressão, preço está associado a grandes quantidades.
  
O valor e lucro estão nos serviços sem padronização.

Tentar atender todos em tudo não é competitivo. Transforma-se a empresa em uma Arca de Noé, com máquinas para tudo, suprimentos de várias marcas e máquinas, mídias para várias marcas, máquinas e tamanhos….imagine o valor em dinheiro para estocar e manter tudo isto,  espaço….estantes….rolos de mídias abertos e usados dois ou três metros.
 
Muito comum neste perfil de empresa, máquinas ficarem semanas sem impressão com manutenções diárias jogando tinta no descarte. Energia em uso vinte e quatro horas. Já se imaginou assim….em algum tempo desespera e vira revenda de máquinas usadas…todo momento um concorrente entrando em sua empresa para comprar uma semi-nova e vendo o que está fazendo…o que tem…como faz. Telefone tocando fazendo contra-propostas….

Revende-se a máquina, acessório ou PLOTTER e a todo momento recebe ligações de problemas, mal uso ….como faz isto ou aquilo. Vem aqui agora senão vou sustar o cheque…. refém.

Pense bem quando planejar investir. Planeje qual mercado atender e pesquise equipamentos de baixa manutenção e de grande versatilidade de aplicações sem mudanças ou adaptações. 

Melhor ainda, pesquise revendedores com experiência em venda de máquinas e que possam acompanhar sua empresa depois da venda com aplicações independente de vendas de suprimentos de mídia ou outros.
                 

Encontre a melhor solução para Impressão digital na Loja do Plotter !
  


Distância de Visualização X Qualidade de Impressão em PLOTTERs

Como no post sobre consumo de energia com impressão digital em PLOTTERs relatamos sobre folclores e desinformação neste mercado,  neste post tentaremos expressar nossas experiências sobre a qualidade de impressão contra a distância de visualização e custo de impressão contra rentabilidade.

Em muitas instalações que realizamos e clientes que depois visitamos no pós-venda se ouvem reclamações principalmente do custo de tinta e operação do PLOTTER. É complicado interferir ou opinar quando o empresário já tem opinião formada e fundamentada principalmente no preço do concorrente na mesma cidade ou região. Processo de informação onde este mesmo empresário tem que ser abastecido com informações e ele mesmo chegar a conclusões. Terapia…..

Não estuda a máquina que o concorrente tem, a estrutura, configuração da empresa do concorrente para pagamento de impostos – por exemplo empresas classificadas como ‘micro empresas’ – e número de funcionários. E principalmente o foco deste concorrente. Quem reclama está querendo entrar em uma área de atendimento que outro já atende. Deste modo o foco único se torna o preço final.

Mas culpa mesmo é sempre do preço da tinta !

Mas dá para imprimir tudo e para todos com a mesma máquina, tecnologia e tinta ?

Veja primeiro a necessidade de exposição da impressão :
A impressão será exposta interna ( indoor )  ou externa ( outdoor ) ? A qual distância seu cliente deseja que seja visualizada ?
Perceba abaixo na próxima figura uma proposta de qualidade de impressão fazendo relação entre número de passadas, mídia impressa e distância de visualização :
Certa vez recebemos uma ligação de um cliente solicitando parceria para revender a máquina dele pois o custo de impressão era alto. Possuía um PLOTTER de 1,60 metros de largura de impressão, cabeças com resolução máxima de 720 x 720 pontos por polegada ( dpi ) e cartuchos de meio litro de tinta.

Estava perdendo todas as cotações de impressão para placas de out-door que antes fazia em silk-screen para outra empresa que tinha uma máquina de 3,20 metros de largura de impressão e tinta de litro sem marca fixa.

Visitamos este cliente que chegou a impressão digital em PLOTTERs pelo silk e fazia no silk desde out-door até rótulos mas principalmente rótulos de baixa tiragem para vários produtos diferentes. Comprou o PLOTTER e baixou todos os seus custos e despesas. De um galpão de 600 metros quadrados para um espaço de 200 metros quadrados. De 22 funcionários para cinco. De média de três dias para entrega para entregas no mesmo dia.

Eliminou o retrabalho com impressões erradas no silk e novos fotolitos, novas telas, retoques em telas, tempo de revelações e impressões. Perda de material e tempo.

Perguntamos a ele quanto as impressões out-door participavam do faturamento da empresa dele? Qual era a margem de lucro deste negócio?

Uma empresa pode ter vários negócios. Há empresários e profissionais qualificados.

Qual a participação da impressão de rótulos no faturamento total da empresa e qual a margem? De todos os negócios que se reuniam na empresa dele quais eram viáveis e lucrativos e que poderiam trazer mais especialização e valor  e que este valor não migraria em cinco anos por exemplo?

Ele fez contas, percebeu a competência da empresa em fazer rótulos de baixa tiragem e para vários produtos, vendeu a máquina antiga e comprou outra máquina versátil em mídias e aplicações e passou a terceirizar para quem tinha a competência em out-door imprimir quando tinha demanda, focando essencialmente nos rótulos que tinham a melhor margem como produto na empresa. Deixou de pagar adicional de insalubridade com a máquina nova.

O exemplo demonstra que não temos que fazer tudo em um mesmo mercado sem a devida competência e estrutura. Os equipamentos são dimensionados para aplicações e demanda – comerciais e industriais – custos e despesas relativos a sua também aplicação e demanda.

Faça uma aferição das competências de sua empresa. Qual a necessidade de visualização da impressão que estão lhe orçando ou encomendando? Quanto tempo ficará exposta e onde ?

Em função destas informações faça a melhor oferta considerando a mídia correta, número de passadas e resolução de impressão  ( consumo de tinta ). Profissionalize e coloque planilhas a partir da experiência. Não fique na poeira do concorrente ou improvisos diários.


O concorrente que imprimia para outdoor do exemplo, hoje tem mais seis concorrentes fazendo o mesmo produto final. O valor migrou e quem não fez uma análise de mercado não percebeu e o mercado de grandes impressões e outdoor se transformou em um mercado de preço, cada dia menor.

Não falamos em rentabilidade ? Pense sobre preço e concorrência, dá para encarar briga de preço? Onde vai sua rentabilidade? !


Há alternativas, visite nosso marcador Não fique na Lona e veja aplicações de valor !!!


Fonte e texto : AJS
Grifo e Itálico : AJS
Figuras : HP Brasil
Gostou deste post?

Se você tem algum comentário ou experiência com as impressoras de grande formato HP Designjet ou outras compartilhe conosco ! Remédio contra incertezas : Informação !

Encontre as melhores soluções em impressoras de grande formato técnicas, comunicação visual, impressões artísticas e Fine Art  na Loja do Plotter !

#NaoFiqueNaLona #lojadoplotter

PLOTTER Pronta para WEB ! Porque comprar a HP T2300 ? – Maior Retorno

Além das funcionalidades e rapidez destacadas no post anterior da T2300 o que mais se espera de um PLOTTER ou equipamento é o seu retorno em atendimento e custo de operação. Ser rápido e resolver.
Para contemplar estas necessidades o PLOTTER HP DesignJet T2300eMFP tem dois rolos….

.

….. que podem

….diminuir o número de intervenções no PLOTTER em troca de mídias e rolos. Outra função competitiva é de impressão com economia de papel otimizada para o ajuste de arquivos a imprimir para o tamanho dos rolos
…..que além de economizar papel, gerencia impressões ecomizando tempo pois será uma impressão e corte a menos no comprimento do rolo que se somam em redução de custo. Não se assuste quando rolos demorarem mais a acabar…
Acumulando redução de custos com a baixa intervenção no PLOTTER o exclusivo cartucho de tinta com 300 mililitros na cor Preto Matte ( MK – CH575A ) e com 69 e 130 mililitros para todas as outras cores. Veja na foto acima os três tamanhos.

Com seis cores prontas – três pretos em preto matte, preto fotográfico e cinzamagenta, azul e amarelo –  a impressão é mais rápida e fiel ao desejado pois exige menor cálculo no processo de transformação do arquivo em pontos para impressão. 

A tinta na cor preto fotográfico habilita a impressão em papéis com revestimento e brilho e tem secagem imediata em impressões de fotografias, imagens de satélite e mapas complexos também com imagens de fundo.

Todo o consumo de tintas e gerenciamento ( fila de impressões ) dos arquivos impressos e a imprimir podem ser controlados via web pela rede ( IP do PLOTTER ) ou pelo painel com gráficos simples e comandos por toque.

Ideal para impressão e escaneio de imagens, mapas, desenhos técnicos e GIS a HP Designjet T2300eMFP é a solução em custo e benefício para seu escritório, empresa, copiadora ou departamento. Veja sobre o scanner da T2300 no post sobre como escolher seu scanner.

Veja também sobre a HP Designjet T2300 :

Gostou deste post?
Fonte, imagens e figuras : AJS e adaptado de HP Brasil – Treinamentos
   
Se você tem algum comentário ou experiência com PLOTTERs HP Designjet ou outras compartilhe conosco !
Encontre as melhores soluções em PLOTTERs e IMPRESSORAS de grande formato na Loja do PLOTTER !

Como receber um PLOTTER ? O que precisa para o perfeito funcionamento?

Após o fechamento da compra de seu PLOTTER é importante preparar a empresa, o local de trabalho e as pessoas para recebê-lo e colocá-lo para produzir.

Antes do técnico do revendedor chegar.

Lembre-se sempre da necessidade de área para desembalagem e montagem do PLOTTER :

figura ilustrativa – desconsiderar as medidas
Confirmando e lembrando as informações do post Como comprar um PLOTTER ? – Parte II – Instalações na chegada de seu PLOTTER faça uma conferência de:
– Local para a parada do caminhão da transportadora ;
– Informe ao seu revendedor da existência de escadas;
– Defina o local de instalação do equipamento e necessidade de guindastes, quebra de paredes ou retirada de portas e divisórias;
– Confirme com o seu revendedor as dimensões da caixa – constante no catálogo técnico do PLOTTER;
– Não se esqueça de conferir o nivelamento do piso;

– Voltagem do PLOTTER – se bivolt ou não;
– Se necessário disjuntor em função da carga para o PLOTTER , peça ao eletricista a instalação; (1)
– Evite compartilhar seu equipamento na mesma tomada com outros equipamentos principalmente cafeteiras e equipamentos que tem motores e resistências ( Furadeiras, máquinas , etc );
– Verifique se instalou a tomada de energia apropriada para o seu  PLOTTER;
– Verifique se instalou a tomada de rede apropriada para o seu  PLOTTER;
– Verifique se tem cabos de conexão via rede e na distância necessária com folga de pelo menos um metro para a necessidade de movimentação do PLOTTER;
– Em ligações diretas do PC para o PLOTTER é necessário o cabo de rede configuração ‘cross-over’ que deve providenciar com sua loja de informática a fabricação;
– Se é necessária a presença do departamento de TI para configuração de endereços na rede de sua empresa, agende;
– Evite áreas úmidas para a instalação do PLOTTER e armazenamento de mídias.
Se sua empresa vai receber treinamento no uso e manuseio do equipamento e software:
– Compre as principais mídias que irá utilizar no PLOTTER;
– Deixe o computador de instalação do driver ou software pronto;
– Dê preferência que este computador tenha somente instalado os softwares para uso com o PLOTTER; Evite instalação de outros softwares;
– Evite instalar neste computador softwares de mensagens instantâneas;
– Compre os suprimentos de tinta e deixe reservado;
– Confirme com o seu revendedor o tempo de montagem, instalação e treinamento;
– Avise ao colaborador que irá receber o treinamento agendando a data;
– Evite marcar entrega de serviços no PLOTTER que acabou de chegar para o período de treinamento;
– Prepare a empresa para que o colaborador que receberá o treinamento não faça atendimento e receba ligações telefônicas durante o treinamento;
(1) Como calcular o disjuntor para seu equipamento?
No catálogo técnico do seu PLOTTER está informada a carga necessária para o mesmo. Exemplo:
Carga informada : Consumo de energia máximo de 4,8 kW ou 4800 Watts;
Se você vai energizá-lo em 220 volts basta dividir 4800 por 220 que será 21,81. Então coloque um disjuntor de no mínimo 25A.
Gostou deste post?

Se você tem algum comentário ou experiência com as impressoras HP DESIGNJET ou outras compartilhe conosco ! 

Compre seu PLOTTER conosco e verá como o retorno do seu investimento  será mais rápido com pequenas e grandes soluções e aplicações !

Encontre as melhores soluções em impressoras de grande formato em www.lojadoplotter.com.br

Como comprar um PLOTTER ? – Parte III

Depois de identificada a sua vocação ou área de atuação e a MARCA que deseja comprar, faça os testes de materiais de impressão, velocidade e qualidade de impressão, capacidade de processamento de arquivos que imprimirá e cores impressas.

Perceba nestes testes em show-room que os fabricantes dimensionam tanto o equipamento, quanto dimensão de rolos de mídia aceitos nos PLOTTERs e também a quantidade de tinta nos cartuchos para cada mercado de atuação.
         
Antes do lançamento de cada equipamento os fabricantes estudam os mercados de aplicação e  usuários durante anos para saber tamanho do equipamento, altura, eixos, capacidade de produção, capacidade dos suprimentos, design mais amigável, painel e outras características que podem melhorar seu funcionamento.
Investir no PLOTTER com menor preço é solução ? Será que sua empresa pagará a cada cartucho a diferença por ele ser menor e proporcionalmente mais caro? E seu tempo trocando cartuchos e repetindo impressões que se perderam quando estavam perto de terminar?

Mensure bem a sua quantidade de impressões e o possível crescimento futuro estimável para que se faça corretamente o investimento. Um mal uso do PLOTTER poderá lhe trazer manutenções antecipadas e períodos parados. Normalmente saem mais caros que a diferença de valor entre as linhas de PLOTTERs.

Para simplificar peça a sua revenda o custo por cópia de cada PLOTTER.
      
Confirme o valor de cada suprimento e a capacidade produtiva de cada um. Multiplique a sua produção atual e futura estimada. Verá que o custo por cópia influi diretamente na escolha do PLOTTER correto a se investir.
Verifique quantos rolos podem ser carregados no PLOTTER ao mesmo tempo.
Verifique a capacidade de carga do comprimento do rolo e gramatura (diâmetro máximo de carga no PLOTTER ). Rolos com maior comprimento também lhe economizam dinheiro, espaço de estoque, trocas e tempo, principalmente tempo. Troca e carga de rolo significam  PLOTTER parado.

A combinação de CAPACIDADE DO CARTUCHO + NÚMERO DE ROLOS + TAMANHO DE ROLOS + VELOCIDADE DE IMPRESSÃO significa inassistividade. Ou seja PRODUÇÃO. PLOTTER imprimindo sem interferência.
      
Saiba se o equipamento é configurável para terminado um rolo passe a imprimir no próximo imediatamente. Esta configuração é ideal para impressões noturnas.
Saiba se o equipamento permite que quando o cartucho acabe se troque por outro novo sem a perda da impressão. O PLOTTER espera você trocar o cartucho e recomeça a imprimir sem perdas.
Também se o equipamento permite o aninhamento de impressões com economia de papel. Por exemplo : carregado um rolo de 914 milímetros de largura e enviados dois formatos A2 o ‘driver’ do PLOTTER posiciona os dois formatos lado a lado e imprime economizando papel.
Avalie bem o seu investimento.

RESUMO – Ao comprar seu PLOTTER verifique as qualificações que precisa :

Troca de cartuchos sem perda da impressão ;
Tamanho dos rolos de papeis aceitos para carga ;
Quais gramaturas por metro quadrado aceitas ;
Se imprime em papéis foscos e brilhantes ;
Quantos rolos de papéis podem ser carregados no PLOTTER ;
Facilidade de compra dos suprimentos no mercado ;
Se há o recurso de Fila de impressão ;
Se há o recurso de monitoramento de mídia ;
Se há o recurso de aninhamento de impressões ;
Se acabado um rolo as impressões passam para o outro rolo carregado ;
Versatilidade de mídias ;
Precisão de linhas ;

Quantidade de cores prontas ( cartuchos de tinta que vem com o PLOTTER ) ;

Quantidade de cartuchos pretos ;
Que tipo de tinta se utiliza no PLOTTER
Se há o recurso de compatilhamento de arquivos ;
– Impressão pela web ;
Impressão sem drive ;
Se há o recurso de controle de cópias e custos ;

Gostou deste post?

Se você tem algum comentário ou experiência com as PLOTTERs HP ou outras compartilhe conosco ! 

Compre seu PLOTTER conosco e verá como o retorno do seu investimento  será mais rápido com pequenas e grandes soluções e aplicações !

Encontre as melhores soluções em impressoras de grande formato na Loja do PLOTTER !!

Correia para PLOTTER – Não deixe de imprimir

Como a grande maioria das máquinas e equipamentos são um conjunto de motores e correias que funcionam em harmonia o PLOTTER tem também seus motores e CORREIAS.
A principal CORREIA do PLOTTER é a que traciona o carro na mesa de impressão. Neste post aconselhamos que se você investiu em um PLOTTER de baixa produção ou para uso próprio que o ligue uma vez por semana para evitar o ressecamento da CORREIA.
Com o uso do PLOTTER a CORREIA se desgastará pois é uma peça de reposição e terá que ser trocada como em outros equipamentos. Quanto mais usar o seu PLOTTER mais rápido terá a necessidade da troca. Veja na foto abaixo a CORREIA que foi trocada :

Nesta próxima foto perceba que a CORREIA rasgou-se ao meio no seu maior comprimento:

Esta correia estava instalada em um plotter que teve pouco uso e com o tempo se acomodou nas polias criando vincos e elevações que no uso do  PLOTTER percebia-se a trepidação do carro de impressão. Outro fato que pode notar em seu PLOTTER.

Mesmo aconselhamento aos PLOTTERs de produção, impressão de fotografia e comunicação visual.
Além de energizar o PLOTTER fazendo-o funcionar pelo menos uma vez por semana você movimenta todos os motores que se lubrificam e também outras partes de limpeza das cabeças de impressão e a tinta que já está no sistema de impressão.
Se você tem algum comentário ou experiência com PLOTTERs HP ou outras compartilhe conosco ! 

Compre seu PLOTTER conosco e verá como o retorno do seu investimento  será mais rápido com pequenas e grandes soluções em aplicações !

Encontre as melhores soluções em impressoras de grande formato em www.lojadoplotter.com.br

Como comprar um PLOTTER ? – Parte II – Instalações

Depois de ler o post Como comprar um PLOTTER ? – Parte I e identificado o fornecedor e marca adequados para a compra de seu PLOTTER sempre se informe sobre :
– Qual a área necessária para instalação e funcionamento do PLOTTER ;
– Tamanho das portas para passagem da caixa ;
– Instalação elétrica necessária ;
– Se na rua de sua empresa há capacidade de carga de energia para o equipamento; (1)
– Equipamento bivolt ou não ;
– Necessidade de ´no-break´ ;(2)
– Necessidade de estabilizador de tensão ;(2)
– Necessidade de tomadas de energia especiais ;
– Necessidade de condutores com diâmetros diferenciados ( fios e cabos elétricos ) ;
– Necessidade e capacidade de disjuntor e se separado ou não ;
– Tamanhos em largura e comprimento para os rolos de mídia ;
– Se na caixa já vem os cartuchos de instalação ;
– Se na caixa já vem rolos de mídia ;
– Se o frete de entrega do equipamento já está incluso ;
– Se a montagem, instalação e treinamento para o equipamento tem custo ;
– Se o deslocamento, estadia e horas técnicas do técnico estão inclusas;
– Se o equipamento usa tintas a base de solvente procure a carta de especificações da tinta.(3)
(1) Há casos de empresas que compraram equipamentos por exemplo tri-fásicos e depois tiveram uma despesa extra com a companhia de energia e transformadores. Se na sua região a carga de energia calculada pela companhia de energia não contemplar a sua nova necessidade de carga poderá arcar com custos de projetos e até mesmo de fiação e instalação da companhia de energia.
(2) Em outra situação, uma empresa ao receber o equipamento foi informada que este somente funcionava com estabilizador de tensão e o valor de um estabilizador pode variar de R$ 5.000,00 até R$ 30.000,00.

(3) Equipamentos que usam tinta solvente para instalação e funcionamento em algumas áreas de cidades necessitam de licenciamento ambiental ou trabalharão na ilegalidade sujeito a multas e interdições. Precisam também neste mesmo projeto de indicação de empresa certificada para o descarte e recolhimento das tintas e resíduos.

Avalie bem o seu investimento. Consulte antes a companhia de energia para saber se há carga disponível.

A sua prioridade não é a prioridade de outros e depois de receber o equipamento pode ficar parado até dois meses aguardando aprovações de projeto e novas instalações.

Item muito esquecido mas importante é o nivelamento do piso onde o equipamento será instalado. Um desnível mínimo pode causar desalinhamentos e desgastes de engrenagens e correias. Verifique o nível sempre antes de instalar e depois sobre a máquina.

Gostou deste post?

Se você tem algum comentário ou experiência com as impressoras HP DESIGNJET ou outras compatilhe conosco ! 

Compre seu PLOTTER conosco e verá como o retorno do seu investimento  será mais rápido com pequenas e grandes soluções e aplicações !

Encontre as melhores soluções em impressoras de grande formato em www.lojadoplotter.com.br

Como comprar um PLOTTER ? – Parte I

Em nossos quase quinze anos de comercialização de Impressoras de Grandes Formatos ou PLOTTERs temos sempre notado e anotado as principais necessidades e demandas que levam pessoas e empresas a investirem na compra de um PLOTTER facilitando a opção e escolha.
É sempre importante destacar que o PLOTTER será a solução de impressão para um departamento, a ferramenta de trabalho da copiadora ou gráfica e em algum casos de PLOTTERs industriais será feita uma estrutura de produção e comercial em função do equipamento.
Os fabricantes de PLOTTERs estudam mercados, países, aplicações, vocações para regiões, eventos de grande porte em regiões, leis de cada país quanto a impressão e tentam da melhor maneira dimensionar e especificar o equipamento para cada mercado e aplicação.
Nesta linha temos hoje os mercados TÉCNICO, CRIATIVO e de PRESTADORES de SERVIÇOS de IMPRESSÃO.
O mercado TÉCNICO compreende os PLOTTERs para impressão de desenhos técnicos para as diversas aplicações de engenharia e mapas , cópias, CAD para costura e aplicações que necessitam precisão e versatilidade em cores além de volume e quantidades.
O mercado CRIATIVO compreende os PLOTTERs para impressão de fotografias em pequenos e grandes formatos, Fine-art, papéis especiais, tecidos com revestimento, impressões para emolduramento e outras aplicações que exigem quantidade, fidelidade e tons de cores impressas.
O mercado de PRESTADORES de SERVIÇOS de IMPRESSÂO compreende os PLOTTERs para impressão em lona e em quantidades, vinil adesivo, tecidos, vinil perfurado, aplicações para caracterização de veículossinalização externa de maneira geral.
No momento de estudo da compra identifique sempre a sua vocação e de sua empresa e região para as aplicações ou o que não há em sua região e tenha uma demanda reprimida com a terceirização em cidades próximas.
Depois de identificada a sua vocação ou área de atuação procure as MARCAS com maior base instalada na sua região e no Brasil pois equipamento é sempre um conjunto de motores, placas e correias e algum dia precisará de manutenção em alguma destas partes e caso o equipamento não tenha uma base instalada que justifique ao fabricante manter suporte e estoque de peças será difícil a sua manutenção.
IDENTIFIQUE REVENDEDORES EXPERIENTES E FOCADOS NO PRODUTO. Empresas e pessoas que tenham tradição e conhecimento na comercialização de equipamentos e com show-room dos equipamentos para testes, disponibilidade para clínicas e demonstrações com soluções que lhe interessam, aplicações prontas e para testar a produtividade de cada equipamento. Não leve dúvidas  e incertezas.
Se você entra em uma farmácia hoje em dia encontrará ração e artigos para cachorros, terra para vasos de plantas e muitas opções de balas e chocolates no caixa. Sempre também um vendedor bem uniformizado e solícito mas sem profundidade no produto.

Temos também neste mercado muitos oportunistas que vendem equipamentos completando o seu mix de produtos e aproveitando-se do pós-venda quando o cliente já compra regularmente alguma linha de produtos na loja lhe ofertando máquinas juntos a  pacotes e promoções. Também importadores que trabalham sob encomenda. Entregam mais uma caixa das muitas do dia. Depois você se vira para saber o que fazer com a caixa e se comprou certo ou o que fará com o PLOTTER.

Avalie bem o seu investimento.
Gostou deste post?

Se você tem algum comentário ou experiência com as impressoras HP DESIGNJET ou outras compatilhe conosco ! 

Compre seu PLOTTER conosco e verá como o retorno do seu investimento  será mais rápido com pequenas e grandes soluções e aplicações !

Encontre as melhores soluções em impressoras de grande formato em www.lojadoplotter.com.br

Decifrando o número de série de seu Plotter

Se você quer entender o ano de fabricação ou a procedência de seu PLOTTER veja como decifrá-lo!

Na parte de trás do seu PLOTTER terá a etiqueta prateada ou branca como o exemplo abaixo:

Em outro exemplo de Plotter entenda o número de série :

MY – é o país de fabricação. No exemplo acima Malásia;
9 – é o último dígito do ano de fabricação. No exemplo acima 2009;
BM – É a semana (mais ou menos) em que a unidade foi feita. Nem sempre são exatas.
901N – O número de série dentro de uma semana especificada e ano.

Com esta informação você não precisa buscar notas fiscais ou a contabilidade para acompanhar o retorno do seu investimento com o passar do tempo. Agora olhando para a etiqueta do número de série você já entende e sabe o ano que comprou seu Plotter.

Para abrir chamados de suporte ao seu PLOTTER no período de garantia ou fora precisará deste número de série. O telefone da central HP Brasil de Serviços é 0800 709 7751 e em São Paulo 11 4004 7751 .

Saiba tudo sobre modelos atuais de PLOTTER, modelos descontinuados, suprimentos de tinta em http://www.lojadoplotter.com.br/